Paraná tem mais pontos de vulnerabilidade de exploração sexual

Notícias

Paraná tem mais pontos de vulnerabilidade de exploração sexual

"


Regionais


 Os trechos paranaenses de rodovias federais são aqueles que apresentam maior número de pontos vulneráveis para exploração sexual de crianças e adolescentes. É o que revela a Cartilha Mapear 2017/2018, divulgado ontem pela Polícia Rodoviária Federal em parceria com a ONG Childhood Brasil.

 De acordo com o estudo, que apresenta o resultado do monitoramento de 71 mil quilômetros de estradas federais, o Paraná concentra 299 dos 2.487 pontos vulneráveis em todo o país. Na comparação com o levantamento anterior, feito entre 2013 e 2014, houve acréscimo de 67% no número de locais, bem acima da variação verificada em todo o território nacional, que foi de 26%, passando de 1.969 pontos para 2.487.

 São considerados pontos de vulnerabilidade para exploração sexual de crianças e adolescentes, os locais que apresentem algum risco aos jovens que vivem ou passam pela região. Ou seja, não são necessariamente pontos de efetiva exploração, mas que apresentam determinado grau de periculosidade, exigindo um trabalho de gerenciamento de risco. Em geral, os pontos mais perigosos são aqueles com postos de combustíveis, bares, casas de show, pontos de alimentação e pontos de hospedagem.


Fonte: Bem Paraná.


16/05/2018
09:36