Desmatamento em alta pode minar chance de o Brasil cumprir meta contra aquecimento global

Notícias

Desmatamento em alta pode minar chance de o Brasil cumprir meta contra aquecimento global

"A estimativa e o alerta estão em um artigo publicado por um grupo de dez pesquisadores brasileiros."


Brasil


   Se o desmatamento da Amazônia e do Cerrado seguir na tendência de alta observada nos últimos cinco anos, piorando a contribuição do Brasil ao aquecimento global, outros setores do País terão de compensar essas emissões de gás carbônico. E o custo para a economia pode ser de pelo menos US$ 2 trilhões.

   A estimativa e o alerta estão em um artigo publicado por um grupo de dez pesquisadores brasileiros na revista Nature Climate Change. O texto analisa o que os autores chamam de “ameaça das barganhas políticas para a mitigação climática do Brasil”. 

   Em outras palavras: os autores consideram que mudanças na política ambiental brasileira em troca de apoio da bancada ruralista ao governo – como sugestões de mudanças na lei do licenciamento ambiental, suspensão de ratificação de terras indígenas, redução de áreas protegidas e flexibilização da regularização fundiária – podem impactar a capacidade do País de conseguir cumprir suas metas de redução de emissões de gases de efeito estufa.

   Eles se referem aos compromissos estabelecidos no âmbito do Acordo de Paris, de 2015, por meio do qual 196 países concordaram em agir para conter o aquecimento do planeta a menos de 2°C até o final do século. 



Fonte: O Estado de São Paulo


10/07/2018
08:25