MEC vai testar Enem digital e prevê prova 100% online em 2026.

Notícias

MEC vai testar Enem digital e prevê prova 100% online em 2026.

"O candidato passará a fazer a prova conforme a área de estudo que escolheu para aprofundamento."


Educação


   O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) passará a ser aplicado de forma digital a partir do próximo ano. O projeto, apresentado pelo ministro da Educação, Abrahan Weintraub, prevê que 50 mil candidatos, em 15 capitais brasileiras, façam o modelo digital em 2020, em um projeto-piloto. A expectativa é de que o número seja ampliado progressivamente até 2026, quando o governo prevê extinguir a prova de papel.

   Segundo Weintraub, o modelo aumentará a concorrência. "Duas ou três grandes empresas conseguem hoje se credenciar." A mudança permitirá que mais estudantes façam a prova, incluindo os que têm mobilidade reduzida.

   Para o projeto-piloto, devem ser desembolsados R$ 20 milhões - no formato atual, o custo de aplicação para este ano, com cerca de 5 milhões de participantes, é de R$ 500 milhões. Segundo o MEC, os custos iniciais da versão digital serão "expressivamente maiores" do que da versão atual, mas a expectativa é reduzi-los ao longo dos anos. O plano prevê que toda a prova seja realizada de forma digital, incluindo a Redação.

   Um dos objetivos é ter, nos próximos anos, a aplicação da prova em mais de uma data ao ano - até quatro no projeto original. O que, na avaliação do ministro, retiraria "a agonia" de um exame de tamanha relevância ter só uma aplicação.

   Os riscos de fraude, segundo o ministro, também serão menores. "O Brasil tem tecnologia para isso. O sistema bancário é todo eletrônico." Questionado se um hacker não poderia invadir o sistema para fazer a prova do candidato, afirmou ser mais fácil uma invasão só na nota - risco que, em tese, já existiria hoje.

 

 

 

Fonte: Bem Paraná.


10/07/2019
08:41
Compartilhar no Facebook

Compartilhar no Whatsapp