Com mais divulgação, Disque Idoso já recebeu 590 denúncias em 2019.

Notícias

Com mais divulgação, Disque Idoso já recebeu 590 denúncias em 2019.

"Número é maior que nos dois anos anteriores e o aumento se deve ao reforço no serviço e no atendimento, com mais divulgação e qualificação dos profissionais."


Variedades


   Nos primeiros cinco meses de 2019 já foram registradas 590 denúncias pelo Disque Idoso, um canal de atendimento da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho. A grande maioria delas por violência física praticada por familiares, com associação ao uso de drogas e bebidas alcoólicas. Os dados são do Departamento de Políticas Públicas para Criança, Adolescente e Idoso da Secretaria da Justiça, Família e Trabalho.

   O número reflete um aumento significativo, já que em todo o ano de 2018 foram recebidas 788 denúncias (289 até maio), enquanto em 2017 foram 676 (237 até maio). O crescimento é reflexo de uma nova política adotada pela gestão Ratinho Junior, com maior divulgação do serviço, qualificação dos profissionais e aproximação com instituições e organizações que trabalham com a área da pessoa idosa.

   “Atendemos de forma humanizada, prestando orientações e encaminhamentos as pessoas que realizam denúncias”, diz o psicólogo José Sobieray, responsável pelo serviço. Ele destaca também que a violência contra a pessoa idosa não se manifesta apenas em agressões físicas, mas, muitas vezes em sua vertente psicológica, como negligência e discriminação ou, ainda, em apropriação de dinheiro e abandono.

 

 

Fonte: AEN-PR.


12/06/2019
08:19
Compartilhar no Facebook

Compartilhar no Whatsapp